QUAL É O PROCESSO DE DEMOLIÇÃO?

Inclui as seguintes operações:
- Trabalho de preparação e proteção.
- Demolição, fragmentação ou desmontagem de construções.
- Retirada de materiais.

Antes de iniciar uma demolição, é necessário realizar um estudo e um projeto de demolição.
Após a realização dos trabalhos, é necessário efetuar as desconexões das instalações elétricas e hidráulicas, levar em consideração a vedação e sinalização dos espaços onde a demolição será realizada.

A primeira fase do projeto será remover os elementos internos do edifício, como móveis, madeira, vidro e plástico, serralheria e possíveis telhados duplos que estavam na construção.

Na segunda fase, teremos que prestar atenção especial a detritos contendo amianto e outros elementos poluentes e perigosos para as pessoas e para o meio ambiente.

Na terceira fase, começamos a condicionar a área para que ela seja adaptada à próxima construção. Aqui o terreno do lote é preenchido, as instalações auxiliares são desmontadas, o lote é limpo e condicionado e a cerca e todas as instalações necessárias na demolição são desmontadas.

Finalmente, os detritos são removidos, nos quais a área de trabalho é limpa em profundidade e os resíduos são levados para as usinas de reciclagem correspondentes.

Existem diferentes técnicas de demolição, o processo dependerá de alguns fatores, como a área onde o edifício está localizado, o material com o qual foi construído, o objetivo da demolição e a maneira como os restos serão descartados.

Alguns dos tipos de demolição são:
-Demolição por implosão
Essa técnica emprega um surto violento que elimina sequencialmente suportes estruturais.
A quantidade explosiva, a colocação das cargas e o tempo de detonação são vitais para ter sucesso nessa técnica e causar o colapso do edifício sob seu próprio peso. Este método é usado em áreas urbanas e para grandes edifícios.

- Demolição por braço de alto alcance
Este método emprega máquinas de base de demolição, um braço de demolição ou uma lança telescópica e uma ferramenta acoplada às máquinas de base.
O maquinário pode ser equipado com diferentes ferramentas para ser adequado a todos os tipos de atividades de demolição de estruturas. Esta técnica é utilizada em construções de concreto armado, alvenaria, aço e materiais mistos.

- Demolição "guindaste e bola"
É um dos métodos mais antigos usados ​​na demolição de edifícios: o guindaste controla a bola, que é usada derrubando ou batendo na estrutura a ser demolida.

Esse processo tem limitações, já que os operadores de guindastes precisam ser altamente qualificados e ter experiência, um bom controle da bola é vital para a segurança e uma grande quantidade de poeira, vibrações e ruídos deve ser levada em consideração.

A chave para esse tipo de atividade é, acima de tudo, um bom conselho dos profissionais.